EMPREENDEDORISMO

Certificação pode potencializar a atração de mais propostas, recursos e oportunidades para a Multincubadora de Empresas da UnB

Reconhecimento alcançado garante destaque nacional e participação em editais de empreendedorismo e inovação. Foto: Raquel Aviani/Secom UnB

 

O Centro de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico (CDT) da Universidade de Brasília (UnB) agora é reconhecido pelo Cerne 1 – selo de certificação para incubadoras de empresas que seguem os processos-chave e que buscam de forma contínua o desenvolvimento de seus empreendimentos. Com o reconhecimento, a Multincubadora de Empresas do Núcleo de Empreendedorismo e Desenvolvimento Empresarial e Social da Agência de Inovação, ligado ao CDT, recebe destaque nacional e amplia a participação da Universidade em editais para empreendedorismo e inovação.

 

Acertificaçãofoi entregue em fevereiro deste ano pela Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Segundo a diretora do CDT, Marileusa Chiarello, o selo pode potencializar a atração de mais negócios, propostas e oportunidades para o Núcleo de Multincubadora de Empresas da Universidade de Brasília e o Núcleo de Inovação Tecnológica, ao qual a Multincubadora também se vincula.

 

“Essa certificação era muito desejada. Agora que conquistamos, nosso objetivo é ampliar a atuação da UnB na área de inovação e obtenção. Além disso, esperamos receber, ainda neste ano, a certificação do Cerne 2, para fortalecer a rede de parceiros e promover políticas de inovação e empreendedorismo na Universidade em nível regional, nacional e internacional”, afirma.

 

Além do reconhecimento, o selo favorece o ecossistema de inovação por meio dos processos de qualificação, assessoria e seleção, bem como amplia a capacidade de gestão e difusão da cultura empreendedora do CDT. Para a coordenadora do Núcleo de Empreendedorismo e Desenvolvimento Empresarial e Social da Agência de Inovação do CDT, Tânia Cruz, a obtenção do certificado só foi possível devido ao trabalho e aprimoramento contínuo do projeto.

Para a coordenadora do Núcleo de Empreendedorismo e Desenvolvimento Empresarial e Social da Agência de Inovação, Tânia Cruz, o aprimoramento constante foi fator primordial para obtenção do certificado. Imagem: Reprodução/UnBTV

 

“A ampliação da equipe foi fundamental para o desenvolvimento das ações necessárias à implantação do modelo de gestão Cerne. Foram desenvolvidos ferramentas, documentos e materiais essenciais para evidenciar os processos e práticas do ambiente de inovação no apoio aos empreendimentos incubados e na execução de projetos de ideação”, conta a gestora.

 

NÍVEIS DE MATURIDADE – O Centro de Referência para Apoio a Novos Empreendimentos (Cerne) é um modelo de maturidade para incubadoras de empresas com o objetivo de criar um padrão de atuação para desenvolver negócios e ampliar novos empreendimentos.

 

O modelo possui quatro níveis de maturidade, sendo o Cerne 1, Cerne 2, Cerne 3 e Cerne 4. Cada certificação representa um passo da incubadora em direção à melhoria contínua, ampliando sua capacidade em gerar empreendimentos de sucesso.

 

No Cerne 1, a incubadora é reconhecida por aplicar todos processos-chave em direção ao desenvolvimento dos empreendimentos. No Cerne 2, o foco é garantir a gestão e organização sistemática direcionada a resultados. No Cerne 3, o objetivo é consolidar uma rede de negócios de forma a ampliar os empreendimentos. Já no Cerne 4, a incubadora é reconhecida por consolidar seu sistema de gestão da inovação.

 

Leia também:

>> UnB divulga primeira chamada do Vestibular 2022

>> Live discute desafios do retorno às atividades presenciais nas universidades

>> Livro organizado por pesquisadoras da UnB aborda violência contra as mulheres nas universidades

>> 70% das empresas juniores da UnB são comandadas por mulheres

>> UnBTV abre espaço para o cinema candango

>> SBPC e UnB definem detalhes da 74ª Reunião Anual

>> Site reúne informações sobre acesso à graduação na UnB

>> Universidade divulga calendário com datas dos próximos processos seletivos

>> UnB publica edital para transferência facultativa e portador de diploma de curso superior

>> UnB amplia orçamento de unidades acadêmicas e administrativas

>> Mulheres têm conquistado mais espaços na UnB

>> Liderança feminina é tema de mesa-redonda com gestoras da UnB

>> Cepe discute proposta de retomada de aulas presenciais no próximo semestre

>> Lourdes Bandeira, sempre presente

>> Mais meninas na ciência

>> Guias ajudam a garantir a segurança da comunidade no retorno presencial

>> Saiba como comunicar suspeitas e casos de covid-19 à Universidade

>> Nova funcionalidade do app Guardiões da Saúde facilita o monitoramento de casos de covid-19 na UnB

>> UnB divulga guia de recomendações para prevenção e controle da covid-19

>> DPI lança portfólio e painéis com dados sobre infraestrutura de pesquisa e inovação da UnB

>> Coes publica cartilha com orientações em caso de contágio pelo novo coronavírus

>> UnB cria fundo para doações de combate à covid-19

ATENÇÃO – As informações, as fotos e os textos podem ser usados e reproduzidos, integral ou parcialmente, desde que a fonte seja devidamente citada e que não haja alteração de sentido em seus conteúdos. Crédito para textos: nome do repórter/Secom UnB ou Secom UnB. Crédito para fotos: nome do fotógrafo/Secom UnB.