DIAGNÓSTICO

Documento apresenta saldo de iniciativas e projetos desenvolvidos pela Universidade de Brasília em 2020

Relatório reúne resultados da aplicação de instrumentos avaliativos e pode ser acessado aqui. Foto: Luis Gustavo Prado/Secom UnB

 

Como a comunidade acadêmica percebe as ações implementadas pela UnB durante a pandemia? Essa é uma das questões respondidas no Relatório Parcial de Autoavaliação Institucional, com base no ano de 2020. O documento traz o balanço de ações e projetos da instituição referentes ao primeiro ano do ciclo avaliativo que segue até 2022.

 

Conduzida pela Comissão Própria de Avaliação (CPA) da UnB, a autoavaliação é um importante recurso para análises e proposição de melhorias na instituição. A versão parcial do Relatório consolida os resultados deste processo e apresenta panorama da atuação da Universidade referente a dois dos cinco eixos previstos no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes): Planejamento e Avaliação Institucional e Desenvolvimento Institucional.

 

>> Leia a íntegra do Relatório Parcial de Autoavaliação Institucional 2020

 

Entre os dados disponibilizados estão as conclusões de pesquisa realizada junto às unidades acadêmicas e administrativas de outubro de 2020 a fevereiro de 2021. De maneira geral, a consulta aponta que a comunidade concorda com todas as ações tomadas pela UnB durante a pandemia. Todas as unidades administrativas participantes mostraram-se favoráveis, por exemplo, à criação do Comitê de Pesquisa, Inovação e Extensão de Combate à Covid-19 (Copei) e do Comitê Gestor do Plano de Contingência da Covid-19 (Coes); entre as acadêmicas, houve aprovação da maioria – 92%, em relação ao Copei, e 96%, ao Coes.

 

“O resultado mostrou que a maioria dos respondentes, tanto de unidades acadêmicas quanto administrativas, concordam com todas as medidas adotadas – suspensão do calendário, criação dos comitês de acompanhamento, suspensão das atividades presenciais com retomada remota e ações de promoção da saúde e apoio psicológico”, observa Guilherme Viana, diretor de Avaliação e Informações Gerenciais do Decanato de Planejamento, Orçamento e Avaliação Institucional e membro da CPA.

 

As unidades também foram consultadas se suas atividades são planejadas em alinhamento com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI). Das que responderam, 76% das administrativas e 68% das acadêmicas já realizam o planejamento desta forma, enquanto 24% das acadêmicas e 14% das administrativas ainda não fazem o alinhamento ao PDI.

 

O Relatório também aponta os desafios para a execução do PDI no quadriênio 2018-2020. Segundo o documento, a pandemia de covid-19 demandou o redirecionamento dos esforços da administração superior e a priorização de recursos para ações de retomada do calendário acadêmico, de forma remota, em agosto de 2020, pausado anteriormente por conta da situação sanitária. Somou-se a este cenário a reduzida disponibilidade de recursos orçamentários para a execução de planos e projetos.

 

FÓRUM – Outro destaque do Relatório é o andamento das atividades do Fórum de Avaliação Institucional da UnB. Realizado anualmente, o evento tem como objetivo proporcionar ambiente de diálogo sobre as expectativas da comunidade acadêmica em relação ao projeto de autoavaliação da UnB. A últimaedição aconteceu em dezembro de 2020, em formato on-line devido à pandemia, e contou com a participação de 78 pessoas.

 

“No evento, foram discutidas as estratégias e políticas que tiveram que ser desenvolvidas tanto para dar suporte à comunidade quanto para garantir a aprendizagem nesse novo contexto. Mesmo sendo on-line, contamos com 78 participantes, o que demonstrou o interesse da comunidade no assunto”, diz Guilherme. O fortalecimento do Fórum foi um dos pontos de melhorias sugeridos na última edição da avaliação.

Fórum de 2020 abordou, entre os assuntos, as políticas adotadas pela instituição para viabilizar o ensino remoto. Imagem: Reprodução

 

NOVA GESTÃO – Em abril de 2021, a presidência da CPA foi assumida pela professora Andrea Cabello, do Departamento de Economia (ECO/Face). Para ela, os novos desafios da CPA envolvem a avaliação dos cursos da Universidade de Brasília.

 

“Nosso grande desafio no momento é a excelência acadêmica. Nos últimos anos, a UnB reverteu a queda em rankings internacionais e garantiu nota máxima no recredenciamento institucional. Participei desse processo, e por isso sei que nosso desafio hoje é não só de subir mais posições, mas de garantir que nossas políticas acadêmicas sejam eficientes para levar à inclusão e à qualidade de nossos cursos”, destaca.

 

O recredenciamento institucional é o processo que analisa o funcionamento e a qualidade acadêmica da instituição de forma ampla e detalhada, sendo a submissão à avaliação condição para a continuidade da oferta de cursos. Conduzida pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), a análise considera os cinco eixos avaliativos contemplados pelo Sinaes.

 

>> Relembre: UnB é nota máxima na avaliação do MEC

 

Na UnB, uma comissão institucional, coordenada pelo Decanato de Planejamento, Orçamento e Avaliação Institucional (DPO) e pelo Decanato de Ensino de Graduação (DEG), foi formada para atender às demandas do recredenciamento. Os resultados do processo estão descritos no Relatório Parcial de Autoavaliação.

 

“Recebemos nota máxima em 45 dos 48 itens avaliados pela comissão, mantendo nossa nota 5, que é uma importante sinalização tanto para o público externo quanto interno, da nossa qualidade institucional”, conclui Guilherme.

 

Leia também:

>> UnB inaugura Fórum Social do Paranoá

>> Estudantes projetam aplicativo para facilitar comunicação de minorias linguísticas durante a pandemia

>> UnB participa de lançamento de plataforma para armazenar informações ambientais do DF

>> Webinário aborda impactos da pandemia de covid-19 nas populações indígenas

>> Auditoria Interna comemora 35 anos com eventos on-line

>> Senado homenageia equipe do HUB responsável por pesquisa da CoronaVac

>> Segundo volume de revista em quadrinhos sobre prevenção à covid-19 já está disponível

>> Pesquisa indica efetividade de vacina contra variante brasileira do novo coronavírus

>> Iniciativa convida universidades a pensarem formas de implementar a Agenda 2030

>> Consuni comemorativo celebra 59 anos da UnB e entrega título inédito de Honra ao Mérito

>> Conheça os agraciados com Honra ao Mérito no Consuni especial de 59 anos da UnB

>> CAD aprova Relatório de Gestão 2020

>> UnB tem cerca de 200 projetos de combate à covid-19 em andamento com apoio institucional

ATENÇÃO – As informações, as fotos e os textos podem ser usados e reproduzidos, integral ou parcialmente, desde que a fonte seja devidamente citada e que não haja alteração de sentido em seus conteúdos. Crédito para textos: nome do repórter/Secom UnB ou Secom UnB. Crédito para fotos: nome do fotógrafo/Secom UnB.